Voltar

Tachã

Chauna torquata

Reino

Animalia

Filo

Chordata

Classe

Aves

Ordem

Anseriformes

Família

Anhimidae

Alimentação

Onivoro

Status de conservação

Menos preocupante

DISTRIB. GEOGRÁFICA

Ocorre no Sul da América do Sul

Localização no zoo

Sobre

A tachã é uma ave também conhecida por inhuma-poca, anhumapoca, anhupoca, chajá, anhuma-do-pantanal, tarrã (Rio Grande do Sul) e tachã-do-sul. Atingem 80 cm de altura e podem pesar em torno de 4kg. Possuem a coloração pardo-acinzentada escura, com algumas manchas brancas. O pescoço é contornado por uma gola negra realçada por uma segunda penugem branca. A face superior da asa é negra, com grande área branca visível durante o vôo, a face inferior da asa é totalmente branca. As pernas são vermelhas, curtas e fortes e os três dedos da frente estão unidos por uma membrana interdigital rudimentar. ocorre na região sul do Brasil e nos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, bem como em outros países da América do Sul como Peru, Bolívia, Paraguai, Uruguai e Argentina. Ave símbolo do estado do Mato Grosso. É monogâmico e territorialista. Possui um esporão enorme no cotovelo da asa, visível quando está pousado ou quando voa. Apesar de seu peso, consegue pousar na água, nadar e dali levantar voo sem muito esforço. Muitos caçadores não gostam do tachã porque ele dá um alarme quando vê algo estranho e acaba afugentando a caça. Referências Bibliográficas: Dados da IUCN – Wikiaves: https://www.wikiaves.com.br/wiki/tacha – Aves catarineses: http://www.avescatarinenses.com.br/animais/1-aves/430-tacha/2964